Greve na Cândido Mendes

Sem categoria

Os professores da Universidade Cândido Mendes (UCAM) decidiram entrar em greve na última Assembléia Geral Extraordinária, realizada no dia 26 de outubro. O motivo é o atraso nos pagamentos dos salários desde agosto. Os docentes farão uma nova assembléia na próxima terça-feira, dia 31, para decidir os rumos dos movimentos. Caso os salários não sejam regularizados, os professores continuarão em greve!