15 de março, dia histórico

Notícias

Dia 15 de março vai para a história dos marcos de luta das professoras e professores em escolas particulares, no Rio de Janeiro. Foi o dia em que mostramos nossa força e dissemos em alto e bom som que não admitiremos nenhum retrocesso, que exigimos a manutenção de todos os nossos direitos.

Professoras e professores estão de parabéns! Desde que o dia raiou no 15 de março fomos à luta. Foram mais de 15 mil professores mobilizados contra a chamada reforma da Previdência, contra a ameaça a outros direitos nossos, como os trabalhistas. Contra a reforma do ensino e a Lei da Mordaça. Escolas não tiveram aula, mas a aula foi na rua.

Mostramos que estamos na luta. Colocamos isso no pensamento de deputados e senadores - que raciocinem bem mais de duas vezes antes de apertarem a tecla de votação. O ato tresloucado deles pode trazer consequências sérias para os trabalhadores do Brasil, mas pode também fazer com que sejam alijados dos cargos que ocupam, pelo voto.

Mas, se o dia 15 de março foi o marco de nossa resistência, temos que lutar mais e mais. Não podemos deixar de dialogar com toda a sociedade sobre a ameaça desses retrocessos. Que continuemos em prontidão, pois será com nossa luta que vamos fazer com que este governo ilegítimo seja derrotado em suas iniciativas sobejamente nefastas à sociedade.

Vamos continuar na luta!

Nenhum direito a menos!

Diretoria Sinpro-Rio 
 

Clique aqui para ver fotos do Ato na Candelária dia 15 de março.

Clique aqui para ver fotos da Caminhada até o Palácio Guanabara.

Clique aqui para ver fotos da Aula Pública no Largo do Machado.

Clique aqui para ver fotos de algumas das ações do Sinpro-Rio no dia 15 de março.