1964 foi Golpe – Ditadura Nunca Mais!

O Sinpro-Rio – Sindicato dos Professores do Município do Rio de Janeiro e Região – vem a público denunciar a apologia ao golpe civil-militar de 1964, perpetrada pelo governo Bolsonaro, que causou uma ruptura sem tamanho na democracia brasileira, que só veio a se consolidar efetivamente a partir da promulgação da atual Constituição democrática de 1988.
A ruptura democrática, com o golpe, causou a morte de milhares de pessoas que a ele se opôs, através da tortura e assassinatos – muitos até hoje não inteiramente desvendados.
Além disso, intensificou a concentração de renda no país, provocando arrocho salarial, repressão aos sindicatos e aos movimentos dos trabalhadores e intensificando a fome e o desemprego, principalmente, a partir da “escolha” perversa de um projeto político e econômico que privilegiou o grande capital.
Hoje, a sociedade brasileira, estupefata, assiste a mais um ato de violência, de um governo, que apesar de ter sido eleito democraticamente pelo povo em 2018, insiste e defende aquele golpe de 64, reproduzindo valores inaceitáveis de uma opção política de viés fascista e autocrática.

Direção do Sinpro-Rio

(Notícia originalmente publicada no dia 31 de março de 2022, mas a data poderá ser alterada para que fique em destaque no site ou de mais fácil acesso à categoria.)

<- Voltar