Ato público na Universidade Candido Mendes

Sem categoria

A Associação de Professores e Funcionários Candido Mendes (Procam) vem prestar esclarecimentos à comunidade de alunos e pais de alunos e convidá-los , bem como entidades públicas e privadas, nacionais e internacionais, comprometidas com a preservação do bom nível do ensino universitário e dos direitos fundamentais de cidadania, a participarem do Ato Público de confraternização e protesto no pátio do Campus Centro, no dia 15 de janeiro, às 12h.

No final de 2008, os professores e funcionários, em respeito aos seus alunos e a seus pais, deixaram de recorrer ao legítimo direito de greve para exigir da Reitoria o pagamento de salários atrasados, do FGTS, que há tempos não é depositado; ao recolhimento de contribuições sindicais, descontadas, mas não repassadas; férias atrasadas; ficando, portanto, expostos, durante as férias de fim de ano, aos desmandos da Administração.

Tais desmandos, agravados pela crise da Reitoria, e diante do risco de redução das aulas à frequência de apenas uma por semana (o desqualificado aulão; já adotado em todas as demais unidades com exceção das Faculdade de Direito, no Centro).

Esses fatos convenceram a Procam a convidar alunos, seus pais e entidades interessadas na qualidade do ensino superior, como OAB, ABI, ABL, Unesco, Anistia Internacional, American Human Rights, Procuradoria Geral da República, Ministério Público, Procuradoria do Trabalho, Sindicato dos Professores (Sinpro-Rio) e a proclamar demais entidades comprometidas com o ensino universitário a participarem do encontro.

Agende: dia 15 de janeiro, às 12h, nas escadarias do prédio Campus Centro da Universidade Cândido Mendes, localizada na Rua da Assembléia, nº. 10, Centro.