AUMENTAM DENÚNCIAS AO SINPRO-RIO DE CASOS DE COVID-19 NAS ESCOLAS

Destaque na primeira pagina, Notícias
AUMENTAM DENÚNCIAS AO SINPRO-RIO DE CASOS DE COVID-19 NAS ESCOLAS

O Sinpro-Rio vem recebendo diversas denúncias de professores/as e familiares sobre as condições de trabalho nas escolas particulares e sobre casos de COVID-19 nas escolas, desde que a Justiça autorizou a abertura prematura das escolas às aulas presenciais.
As denúncias vão desde assédio moral até a falta de equipamentos básicos, como máscaras e álcool em gel, passando por aglomerações nas escolas, uso compartilhado de materiais e brinquedos, falta de testes, ocultação de casos de COVID-19 ocorridos nas escolas, entre tantas outras.
O Sindicato tem recebido também denúncias de escolas ameaçando com demissão professores/as do grupo de risco ou que moram com parentes do grupo de risco; profissionais estes que estão amparados por decisão judicial para que continuem seu trabalho de forma remota.
Reafirmamos que tal situação era de fácil previsão, pois sempre afirmamos que as escolas particulares não tinham condições de garantir todos os protocolos de segurança e, por isso, estamos em GREVE PELA VIDA desde o dia 4 de julho.
Estamos em luta para não estarmos de luto. Escola que não respeita a vida e a ciência não é escola.
Sinpro-Rio em defesa da vida!

》Relação de Escolas particulares que apresentaram casos suspeitos ou confirmados de COVID-19:

  1. Santo Inácio
  2. CEL - Centro Educacional da Lagoa (Unidade Barra)
  3. Escola Parque (Barra)
  4. Colégio QI
  5. Corcovado
  6. Teresiano
  7. Suíço-Brasileiro
  8. Escola Americana
  9. Eleva
  10. MOPI
  11. Barilan
  12. Santo Agostinho

》Quer DENUNCIAR suspeita ou confirmação de caso de COVID-19 em alguma escola? Entre em contato pelo whatsapp abaixo: