Campanha Saúde do Professor é lançada na Subsede Madureira

Notícias

A subsede de Madureira recebeu, no dia 28 de abril, o lançamento da campanha "Condições de Trabalho e Saúde do Professor".

O evento teve início com o diretor José Cloves Praxedes, coordenador da subsede, agradecendo a todos pela presença. Em seguida, a diretora Valquíria Juncken, coordenadora da Comissão Condições de Trabalho e Saúde do Professor, apresentou os palestrantes: Wanderley Quêdo, presidente do Sinpro-Rio; Elaine Juncken , psicóloga e assessora técnica da campanha; e Dr. Henrique Lopes, advogado do Sindicato.

Wanderley abriu a mesa explicando a Saúde do Professor, que se iniciou com a Campanha da Voz, em que foi constatado que 45% dos professores tinham problemas vocais e que, na maioria das vezes, a causa era emocional. Assim, o Sinpro-Rio entendeu que era preciso cuidar não só da voz, mas também da saúde emocional dos docentes, que passa também pelas suas condições de trabalho.

Após a abertura, Elaine Juncken falou sobre a síndrome de Burnout, o cotidiano e as dificuldades da categoria, a mobilização dos professores e da sociedade, e como um projeto de vida profissional pode ajudar na autoestima. O advogado do Sindicato, Dr. Henrique Lopes, encerrou as explanações falando sobre assédio moral e agressão física em sala de aula e no ambiente de trabalho.

Wanderley Quêdo encerrou, falando sobre as dificuldades de negociações da campanha salarial 2009 e apresentando o vídeo da campanha que está em cartaz em algumas salas de cinema do circuito Estação.

O evento contou com a presença do deputado estadual e professor sindicalizado Alexandre Molon (PT-RJ), que apoiou a campanha, comprometendo-se a levar as propostas de calendário único e férias em janeiro à Assembleia Legislativa do Rio.

Para ver fotos clique aqui.