Demissões em massa: Sindicato participa de ato na porta da Estácio

Notícias

Diretores do Sinpro-Rio, professores e estudantes participaram de ato na porta da Universidade Estácio, no Rio Comprido, repudiando a demissão em massa praticada pela direção do estabelecimento de ensino.

Recebidos com entusiasmo por funcionários da Estácio, os manifestantes falaram da liminar conquistada na noite de 07 de dezembro pelo Sinpro-Rio que suspende as demissões.

Todos deixaram claro a gravidade da ação da direção da universidade, com a demissão de 1.200 professoras e professores e notícias de assédio moral, pois, de acordo com denúncias, professores foram retirados da sala de aula para serem demitidos e outros nem puderam aplicar provas.

Diretores, professores e estudantes reforçaram que o Ministério Público do Trabalho, via ação do Sinpro-Rio, convocou professores para prestarem depoimentos na segunda-feira, dia 11 de dezembro, a partir das 9h, na sede do MPT, na Rua Santa Luzia, 173, Centro.

Foi ressaltado ainda que o O Sindicato e o Ministério Público Trabalho também convocam os professores e os alunos para audiência pública que será realizada na segunda-feira, 11/12, às 15h30, na sede do MPT, na Av. Churchill, 94, 7º andar.

Veja mais fotos do ato aqui.

Veja também a fala do presidente Oswaldo Teles durante o ato: