Estácio: Bônus Obscuro

Notícias

Nove, em cada dez empresas americanas envolvidas em escândalos financeiros, tinham uma coisa em comum: a forma obscura com que bonificavam seus funcionários. Apesar disso, parece que esta prática não foi totalmente abolida. Pelo menos é isto que mostra o e-mail de um funcionário da Estácio de Sá encaminhado a João Uchoa, fundador da universidade.

Nele, há a denúncia de que, este mês, oito funcionários - todos com menos de nove meses de casa - foram contemplados com um bônus de mais de R$ 1 milhão. Os demais funcionários não receberam nada além da justificativa de que não haveria bonificação, já que não foram atingidas as metas mínimas.

Leia mais sobre o caso aqui