Nota de pesar: falecimento do professor Manoel Cacella

Notícias

26/12/2012

foto

É com pesar que o Sinpro-Rio comunica o falecimento, no dia de hoje, do professor, sindicalizado desde 1979, Manoel Leopoldino de Gusmão Cacella, aos 76 anos.

Professor de matemática, lecionou em várias escolas particulares, entre elas Santo Inácio e Anglo Americano, também fez parte da rede municipal de ensino.

Conhecido como Nelito pelos seresteiros, coordenava o projeto da Copap “Tempo de Saudade”, o qual contava com grande participação de amigos. Participava também de outras serestas como as do Clube Monte Líbano e do Piano Bar Panorama.

Em março de 2007 lançou o cd “Para ouvir e amar”. Gostava de brincar dizendo que tinha sido professor e, após a aposentadoria, se tornado cantor.

O velório será hoje (26/12), às 16h, na Capela L do Cemitério São Francisco Xavier.

É com pesar que o Sinpro-Rio comunica o falecimento, no dia de hoje, do professor, sindicalizado desde 1979, Manoel Leopoldino de Gusmão Cacella, aos 76 anos.

Professor de matemática, lecionou em várias escolas particulares, entre elas Santo Inácio e Anglo Americano, também fez parte da rede municipal de ensino.

Conhecido como Nelito pelos seresteiros, coordenava o projeto da Copap “Tempo de Saudade”, o qual contava com grande participação de amigos. Participava também de outras serestas como as do Clube Monte Líbano e do Piano Bar Panorama.

Em março de 2007 lançou o cd “Para ouvir e amar”. Gostava de brincar dizendo que tinha sido professor e, após a aposentadoria, se tornado cantor.

O velório será hoje (26/12), às 16h, na Capela L do Cemitério São Francisco Xavier.

Professor de matemática, lecionou em várias escolas particulares, entre elas Santo Inácio e Anglo Americano, também fez parte da rede municipal de ensino.

Conhecido como Nelito pelos seresteiros, coordenava o projeto da Copap “Tempo de Saudade”, o qual contava com grande participação de amigos. Participava também de outras serestas como as do Clube Monte Líbano e do Piano Bar Panorama.

Em março de 2007 lançou o cd “Para ouvir e amar”. Gostava de brincar dizendo que tinha sido professor e, após a aposentadoria, se tornado cantor.

O velório será hoje (26/12), às 16h, na Capela L do Cemitério São Francisco Xavier.

Conhecido como Nelito pelos seresteiros, coordenava o projeto da Copap “Tempo de Saudade”, o qual contava com grande participação de amigos. Participava também de outras serestas como as do Clube Monte Líbano e do Piano Bar Panorama.

Em março de 2007 lançou o cd “Para ouvir e amar”. Gostava de brincar dizendo que tinha sido professor e, após a aposentadoria, se tornado cantor.

O velório será hoje (26/12), às 16h, na Capela L do Cemitério São Francisco Xavier.

Em março de 2007 lançou o cd “Para ouvir e amar”. Gostava de brincar dizendo que tinha sido professor e, após a aposentadoria, se tornado cantor.

O velório será hoje (26/12), às 16h, na Capela L do Cemitério São Francisco Xavier.

O velório será hoje (26/12), às 16h, na Capela L do Cemitério São Francisco Xavier.