Novas paralisações na UGF – 31/05 e 1/06

Sem categoria

Os docentes da Universidade Gama Filho decidiram paralisar suas atividades novamente nos dias 31 de maio e primeiro de junho, por não suportar mais os atrasos de salários.

Além das paralisações, os professores deram um prazo até o dia 1º de junho para que sejam pagos os salários de todos os docentes, referentes aos meses de março e abril.

Caso não sejam atendidos, a assembléia discutirá a decretação de GREVE POR TEMPO INDETERMINADO, até que os salários sejam pagos. No dia 31 de maio, às 12h, na Candelária (concentração em frente à Igreja), os professores realizarão, junto com os alunos e a população, uma "Aula Pública de Protesto".

E no dia 1º de junho, às 11h, no auditório do 8º andar do prédio MR, no campus Piedade, haverá assembléia para definir os próximos passos dessa luta (pagamento das férias, 13º de 2005, depósitos do FGTS, além de outros direitos).