Presidente nacional da CUT é eleito

Sem categoria

Artur Henrique da Silva Santos foi eleito o presidente nacional da Central Única dos Trabalhadores, durante o 9º congresso da nacional da instituição. Eletricitário, sociólogo, 44 anos, Artur iniciou sua atividade sindical em 83, quando foi eleito conselheiro representante dos trabalhadores da CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz). Participou da campanha para a eleição de uma chapa cutista de oposição à direção do Sindicato dos Eletricitários de Campinas, em 87, entidade da qual foi diretor executivo. Foi um elogiado e respeitado secretário de Formação da CUT-São Paulo. Artur era secretário-geral da CUT na gestão que acaba de terminar. O Sinpro-Rio participou desse momento importante para a luta sindical, com a presença de 7 delegados.

Conheça o pensamento de Artur Henrique:

Plano de Lutas da CUT - "Além da campanha pela reeleição do companheiro Lula, aprovamos um plano de ação e de lutas que contém as bandeiras históricas da CUT: redução da jornada de trabalho sem redução de salários, reforma sindical que altere a estrutura sindical brasileira no caminho da liberdade e autonomia sindical e Organização no Local de Trabalho."

Unidade da CUT - "Neste congresso definimos um plano de lutas e vamos precisar de muita unidade para encaminhá-lo."

CUT e Governo Lula - "A CUT é independente e autônoma, porém, tem lado, o lado dos trabalhadores."