Professores do Centro Universitário Bennett em greve – Ato público dia 28/06

Sem categoria

Os professores da Unibennett, que estão em greve desde do dia 17 de maio, realizarão um ato público de protesto contra os atrasos de salários e outras irregularidades no dia 28 de junho, às 18h, no Largo do Machado. A mobilização contará com uma aula de cidadania e uma encenação da situação por que passa o centro universitário, realizada pelos alunos do curso de teatro. Na última Assembléia, dia 20 de junho, os professores decidiram continuar em greve e entrar com uma Ação Civil Pública pelo cumprimento das obrigações trabalhistas.

Os alunos da Unibennett, unidos na luta em defesa da instituição, decidiram:

  • encaminhar ao Ministério Público um pedido de liminar contra o Instituto Metodista Bennett, reivindicando o direito de estudar;
  • enviar carta para a Universidade Metodista do Estado de São Paulo (UMESP), dando ciência da situação acadêmica;
  • entregar ao MEC um abaixo-assinado, expressando de forma simples e direta a defesa de um direito fundamental: "Queremos aulas!"

Os docentes reivindicam férias e 13º salário relativos ao ano de 2004; fundo de garantia depositado, em dia, na Caixa Econômica Federal; imposto de renda retido na fonte repassado à Receita Federal; acordo coletivo de 2004 e 2005; salários de 2005: outubro (50%), novembro e dezembro; salários de 2006: março, abril e maio. Além disso, os professores querem que os pagamentos sejam realizados até o dia 5 do mês seguinte ao trabalhado.

A próxima Assembléia será no dia 29 de junho, quinta-feira, às 18 horas, no auditório do Audiovisual