Sinpro-Rio promove ato público em Campo Grande

Notícias

Dando continuidade à nova etapa da Campanha Salarial 2010, o Sinpro-Rio promoveu, na manh? do dia 28 de abril, um ato público no Calçad?o de Campo Grande.

O ato teve como objetivo levar ao conhecimento da populaç?o as reivindicaç?es da categoria por pisos dignos, férias em janeiro e melhores condiç?es de trabalho e saúde.

O presidente do Sindicato, Wanderley Quêdo, enfatizou que o piso salarial de R$ 7,73 por hora é uma vergonha e o reajuste de 4,5%, abaixo da inflaç?o - já que o INPC foi de 5,30% -, proposto pelo patronato, é um absurdo.

Os diretores Afonso Celso Teixeira, Antonio Rodrigues, Dilson Ribeiro, Elson Paiva e Maria do Céu Carvalho destacaram as más condiç?es de trabalho; a alegaç?o de inadimplência nas mensalidades - por parte do patronato - para n?o conceder o reajuste; o aumento de casos de assédio moral e síndrome de Burnout; e a mercantilizaç?o da educaç?o.