13/01/2014

O presidente do Sinpro-Rio, professor Wanderley Quêdo, está neste momento junto ao deputado Robson Leite (PT), no Ministério Público Federal para buscar uma intervenção do MEC no caso Galileo, que garanta os direitos dos professores, alunos e funcionários.

<- Voltar