Um ano da campanha "Condiç?es de Trabalho e Saúde do Professor

Notícias

Neste mês de março a campanha "Condições de Trabalho e Saúde do Professor", do Sinpro-Rio, completa um ano. Durante este período foi divulgada através de mais de 300 outdoors e 35 busdoors espalhados pela cidade, além de vídeo institucional exibido em mais de 700 salas de cinema, e da distribuição de 60 mil Cartilhas de Burnout.

A campanha foi lançada na sede e nas subsedes, e foi apresentada nos conselhos Municipal e Estadual de Educação; no 9º Congresso da Feteerj, no 7º Congresso da Contee entre outros locais.

Na Câmara dos Vereadores e na Assembleia Legislativa do Estado (Alerj) foram apresentados projetos de lei que propuseram o calendário escolar unificado. Em ambas, foi aprovado por unanimidade pelos vereadores e deputados, mas, mesmo assim, foram vetados pelo prefeito e pelo governador, respectivamente. No caso da Alerj, continua em aguardo o retorno do veto à plenária da Casa para nova apreciação dos parlamentares.

Este ano, a assembleia de pauta da Educaç?o Básica aprovou a colação, pelo segundo ano consecutivo, da reivindicação de um Calend&aacuterio; Unificado de referência, com a concomitância das férias escolares no mês de janeiro e do recesso de meio de ano, em julho.

A campanha também promoveu abaixo-assinados: um, em apoio ao Projeto de Lei 1.128/03, do deputado Carlos Abicalil, que tem como objetivo a criaç?o do Programa Nacional de Saúde Vocal do Professor (PNSVP); e outro, pelas férias em janeiro. Contamos com mais de cinco mil assinaturas, encaminhadas aos autores do projeto e casas legislativas.

O site (www.saudedoprofessor.com.br), online desde fevereiro de 2009 já teve mais de 45 mil acessos, e teve como temas mais acessados a Síndrome de Burnout, as férias em janeiro, a voz e o assédio moral, o que demonstra um interesse n?o só da categoria como da sociedade, e faz com que a campanha ganhe vulto de utilidade pública e interesse social geral.

Quarenta psicólogos, terapeutas e psicanalistas foram selecionados e qualificados através de um curso de preparação, oferecido pelo Sinpro-Rio, para participares das oficinas nas escolas, iniciadas em setembro de 2009. Para saber mais sobre o funcionamento das oficinas e como agendar na sua escola, acesse: www.saudedoprofessor.com.br/oficina.html

Também foram firmados convênios com psicólogos, para atendimento em seus consultórios (a lista se encontra disponível no site), para atendimento dos professores sindicalizados, a preços sociais, para avaliação e acompanhamento da saúde emocional da categoria.

Em 2010 continuaremos com as oficinas, lançaremos uma nova cartilha, agora tendo o Assédio Moral como tema, e também uma nova ediç?o da Revista Sinpro-Rio sobre as condições de trabalho e a saúde do professor.

Para que possamos continuar nosso trabalho e ouvir as demandas da categoria, pedimos que preencham uma pesquisa, especialmente desenvolvida para a Campanha, no site: www.saudedoprofessor.com.br/questionario.html